quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Corpse Bride (2005)



Quando Tim Burton faz filmes de bonecos deixa-me sem palavras, mas não necessariamente no bom sentido. Por um lado, fico fascinada pela técnica e pela beleza da imagem; por outro, profundamente desiludida pela superficialidade da história que, apesar de fantástica, não deixa de ser inconsistente e de uma simplicidade infantil. Por falar em infantil, não é por acaso que li algures que Tim Burton faz nestes filmes um Walt Disney do cinema de terror, mas na minha opinião o realizador não demonstra pela morte o respeito que ela merece. E aqueles trocadilhos constantes, eram suposto ter piada? Assim como a dança dos esqueletos?... Fico na dúvida. É um filme para crianças ou adultos?
No caso de "Nightmare Before Christmas", apenas gente crescida pode compreender a complexidade de Jack, mas em "Corpse Bride" as personagens são apenas bonecos, marionetas de papel, sem pés nem cabeça (algumas, literalmente, e aqui vai mais um trocadilho dispensável e sem graça nenhuma). Tim Burton habituou-nos a melhor, muito melhor.
Isto lembra-me aquela velha história: a beleza é fundamental, e enche o olho, mas sem conteúdo é uma beleza vazia que perde o interesse.

Pela técnica envolvida, 14 em 20.

Etiquetas:

3 Comentários:

Blogger Klatuu o embuçado disse...

Infantil... pois... é para crianças... Foi a fazer BD para criancinhas (perturbadas) que o homem começou...

14/2/07 14:38  
Blogger gotika disse...

Talvez antes para adultos perturbados...?

15/2/07 03:04  
Blogger Klatuu o embuçado disse...

Crescem...

18/2/07 01:02  

Enviar um comentário

Links to this post...

Criar uma hiperligação

<< Home



Animais de Rua - Projecto de Esterilização e Protecção de Animais Sem Lar

Powered by Blogger




site search by freefind advanced