domingo, setembro 09, 2007

Mr. McCoy has returned


Fields of The Nephilim "Mourning Sun" (SPV, 2005, limited edition)

Shroud (Exordium)
Straight To The Light
New Gold Dawn
Requiem XIII 33 (Le Veilleur Silencieux)
Xiberia (Seasons In The Ice Cage)
She
Mourning Sun
In the Year 2525


Adeus imitações. This is the real McCoy. Caindo de propósito no lugar comum de muitas críticas que tenho lido, "classical Nephilim" é o que os fãs podem esperar do quarto álbum de estúdio de uma das bandas que mais influenciou a música gótica (e que esteve, na minha humilde opinião, na origem do estilo gothic metal) desde os áureos anos 80. Qualquer destas canções podia aparecer em "Elizium", digo eu, mas digo mal porque os meus ouvidos já estão habituados a um industrial muito mais pesado do que "Zoon", do projecto de Carl McCoy "The nephilim", esquecendo que entretanto muita música passou debaixo da ponte. Mesmo assim, esperava mais, se calhar porque os fãs são de facto vampiros insaciáveis, principalmente ao nível das letras que, vindas de um McCoy mais velho ou, se preferirem, mais "antigo", tinham obrigação de ser mais densas. Mas vejamos:

Shroud (Exordium)
A abrir o álbum, não me sai da cabeça que o coro de inspiração religiosa na introdução ameaça recomeçar o álbum "Elizium" onde ele acabou, mas depressa se torna não só uma viagem ao passado como ao passado mais que perfeito com riffs a recordarem a aridez de "Dawnrazor".

Straight To The Light
Um épico quase à altura de "Moonchild" e "Psychonaut". Letras a puxar para um misticismo que há muito rodeia o projecto, ou não se chamassem "os campos dos nefilins": We served this world like angels / Been burned both night and day / Now we turn with eyes blazing / Well its time for us to go

New Gold Dawn
Alguns acordes a recordar "Last Exit for the Lost" transformam-se numa canção cheia de ritmo como "Laura" e "For Her Light". A letra, contudo, é fraquinha.

Requiem XIII 33 (Le Veilleur Silencieux)
Uma história de saudade ao ritmo de "At the Gates of Silent Memory".

Xiberia (Seasons In The Ice Cage)
Possivelmente o meu tema preferido, "Xiberia", cuja letra nem começo a entender, simplesmente *sinto* aquela sensação de frio que dela exala, podia ser a evil twin brother de "Summerland". Talvez seja. Parece propositado mas só podemos especular. Assim nascem os mitos.

She
E esta é possivelmente a música que menos gosto, muito pastelosa e romântica, mas que possivelmente agradará a quem prefere o clássico "Celebrate". Passemos rapidamente à frente.

Mourning Sun
Dez minutos e trinta e cinco segundos, prova de que os Fields of the Nephilim continuam a reger-se por algumas regras do metal e pelo desprezo da canção pop de três minutos e meio. O sintetizador faz uma melodia a lembrar o tema do "Exorcista", "Tubular Bells", do senhor Mike Oldfield (esse mesmo), até porque os FOTN sempre alimentaram uma uma raiz cinematográfica de peso. O trocadilho que dá nome ao álbum, entre "sol da manhã" ("morning sun") e "sol de luto" ("mourning sun"), pegando numa conhecida expressão de esperança para lha retirar completamente, gira em torno do tema "the fallen", outro termo usado para designar os anjos rebeldes que desceram à Terra para amar as filhas dos homens e dar origem aos nefilins e se juntaram a Lúcifer durante a rebelião nos Céus de onde foram expulsos.

In the Year 2525
Faixa bónus que só aparece na edição limitada (atenção ao que compram), este tema um pouco a"pop"alhado em termos musicais devido a demasiados yéyés e melodia repetitiva (mais uma vez, a minha humilde opinião), é de algum modo uma surpreendente descida à realidade -- surpreendente para a banda de que se trata -- onde se clarificam preocupações ecológicas e críticas à desumanização tecnológica. Graças a Deus pelo apocalipse: in the year 8510 / God is gonna shake his mighty head / he'll either say "I'm pleased where man has been" / or tear it down and start again

Etiquetas: ,

2 Comentários:

Blogger Penemue disse...

É só a minha banda preferida de todos os tempos.
Já nem vou falar no fetish que tenho pelo personagem McCoy, e pela dúvida que me causa se será humano ou nefilimo, ou um híbrido de híbridos.
Foi porreiro chegar aqui e ver um post teu sobre a minha próxima compra.
Gosto mesmo de te ler.

Hoje, só porque sim, um beijo pra ti.

11/9/07 02:56  
Blogger gotika disse...

Eu também gosto muito deles.

12/9/07 02:39  

Enviar um comentário

Links to this post...

Criar uma hiperligação

<< Home



Animais de Rua - Projecto de Esterilização e Protecção de Animais Sem Lar

União Zoófila

Powered by Blogger




site search by freefind advanced




My blog is worth $22,017.06.
How much is your blog worth?