terça-feira, agosto 26, 2008

Romance com a morte

Senhora Dona Morte dos dedos de veludo
Fecha-me estes olhos que já viram tudo


Florbela Espanca, sonetos

Lembro-me de ti. Estive no teu abraço durante horas.
Era frio, oh tão frio!, e cinzento.
Não vi nenhuma luz brilhante a chamar-me. Não vi ninguém à minha espera, nem Deus.
Também não cheguei a ver trevas, mas o cinzento tornava-se cada vez mais escuro.
Septicemia. Envenamento do sangue. Ouvi dizer que o fim era agonizante. Nada mais errado.
Fervia de febre. Já não sentia o frio, muito menos a dor. De olhos fechados parecia-me estar entre o cinzento do mar e o cinzento do céu. Ao som da música da minha alma, adormeci.
Foi uma violência quando me despertaram dos teus braços, e de olhos abertos me obrigaram a abandonar a paz com que docemente me levavas.
Nunca me esqueci de ti. Leva-me de volta.

Etiquetas: , ,

Links to this post...

Criar uma hiperligação

<< Home



Animais de Rua - Projecto de Esterilização e Protecção de Animais Sem Lar

União Zoófila

Powered by Blogger




site search by freefind advanced




My blog is worth $22,017.06.
How much is your blog worth?